O que você procura?

Delícias na vitrine

Não faltam lugares para degustar macarons na capital paulista. Da La Douce France, uma das primeiras a seduzir a clientela com o colorido do docinho francês a base de farinha de amêndoa e variados recheios, a endereços que – numa “licença poética” – fazem o biscoito com farinha de castanha de caju, vale a pena conferir esse breve roteiro de dar água na boca.

D`Macarons
As coloridas torres de macarons que enfeitam as vitrines não deixam dúvidas sobre a especialidade da casa. O preparo dos levíssimos docinhos é comandado pela confeiteira Daniela Diniz. As casquinhas são feitas com farinha de amêndoas, como manda a tradição. Já nos recheios, Daniela se permite algumas inovações. Ao lado de sabores clássicos, como o ganache de chocolate belga, figuram outros mais exóticos como o de cachaça. A unidade fica em R$ 5,00. www.dmacarons.com.br @dmacarons.

Folie
A produção diária dos biscoitinhos coloridos, usando farinha de amêndoa, é pequena para garantir o frescor. São mais de trinta sabores que vão se revezando semanalmente. Entre os mais apreciados estão brigadeiro, noz pecã, framboesa, limão com flor de sal e macaron recheado com gelato. Cada um custa R$ 6,00. www.unefolie.com @folie_do

La Douce France
Aberta em 2001, a doceria comandada pelo casal Fabrice e Florinda Le Nud tem quatro endereços em São Paulo onde os macarons, feitos seguindo a receita tradicional com farinha de amêndoa, têm lugar de destaque. Entre os seis sabores disponíveis, há recheios clássicos como chocolate e pistache e, quanto há disponibilidade do ingrediente, o brasileiríssimo cupuaçu. Cada unidade sai por R$ 6,90. www.patisseriedoucefrance.com.br @parisseriedouce.

May Macarons
A doceria nasceu, em 2012, com o nome de May Pâtisserie e a proposta de reunir a sofisticada técnica da confeitaria francesa com ingredientes brasileiros. Dois anos depois, a casa mudou o nome para May Macarons. Alguma dúvida sobre o foco de suas criações? Seguindo o DNA da proposta original, o tradicional docinho francês é feito com farinha de castanha de caju. Há 14 opções de recheios, entre eles alguns com toque bem brasileiro como coco, romeu e julieta e doce de leite com cumaru. Cada docinho vale R$ 5,20. www.maymacarons.com.br @maymacarons.

Tartelier
O cardápio de doces é extenso, mas há um espaço especial para os macarons, que comparecem em cinco sabores: chocolate, flor de laranjeira, pistache, limão siciliano e frutas vermelhas. O preço de cada um é R$ 4,60. www.tartelier.com.br @tartelier.

Ah, e em Campinas, vale ir até a boulangerie e pâtisserie Maria Antonieta conferir os macarons com a assinatura do líder da nossa mesa, o chef confeiteiro Mateus Matana. Com a loja principal no bairro de Cambui e uma filial no Shopping Galleria, a Maria Antonieta trabalha com 14 sabores disponíveis no cardápio, como pera e tonka em creme de manteiga, frutas vermelhas com chocolate belga ruby e doce de leite com especiarias. Cada um vendido a R$ 7,00. Mas há outros treze que podem ser feitos sob encomenda, caso de pimenta malagueta com chocolate meio intenso 50%, lavanda em creme de manteiga e maças caramelizadas. www.mariaantonietacampinas.com.br @mariaantonietacampinas.

Em tempo…
Durante uma breve temporada os brasileiros puderam apreciar os macarons produzidos pela lendária marca francesa Ladurée, fundada em 1862 (e responsável pelo formato que o docinho tem hoje, com casquinha crocante e recheio cremoso, como já contamos aqui no blog). A Ladurée abriu uma loja no Shopping JK Iguatemi, na capital paulista, em 2012. Acabou frechando em 2017. Mas se você for viajar para um dos vinte países onde a marca mantém lojas, vale a pena entrar em uma delas. Dá para conferir os endereços no site www.laduree.fr.

*Preços pesquisados em agosto/2019.

Deixe uma resposta

  • Cadastrar-se
Perdeu sua senha? Por favor, digite seu e-mail. Você receberá um link para criar uma nova senha via e-mail.
Nós não compartilhamos seus dados pessoais com ninguém.