Dicas para uma despensa organizada e pronta para o dia a dia

Uma cozinha bem equipada e funcional pede também uma despensa organizada e pronta para o dia a dia. No livro Sozinho na cozinha – Para homem independente (editora Jabuticaba), o autor, o jornalista André Fischer, ressalta a importância dessa medida: “A organização da despensa serve para você se situar, controlar o fluxo do seu estoque e não ser pego de calça curta no meio de uma receita, desinformado do que tem em casa”.

Veja também:

– Quer ter sempre cebola e alho cortadinhos e prontos para ir à panela? Paula Rizkallah diz como!

O conselho de Fischer é organizar as prateleiras do armário por setores, da forma que for mais fácil para você seguir. Ele, por exemplo, sugere uma divisão por tipo de embalagem: enlatados (molhos, conservas); papelão plastificado (leite, cremes); vidro (temperos, azeite); sacos (lentilha, feijão), papel ou plástico (farinhas, trigo para quibe etc.). Dentro desses grupos você pode criar subgrupos. Exemplo: no de enlatados, pode-se setorizar em latas de molho, de grãos (ervilha, milho), conservas doces (pêssego em calda), óleo etc.

Itens indispensáveis

A chef Ana Federici lembra também a importância de fazer um inventário dos ingredientes-chave da despensa. Assim, você sempre terá à mão o necessário para planejar as refeições de forma equilibrada e saudável – e não cair na tentação de acionar o aplicativo para pedir uma pizza e outros quitutes carregados de calorias.

Uma despensa organizada e pronta para o dia a dia precisa contar com itens básicos que podem ser utilizados numa infinidade de receitas que agradam a maioria dos paladares. Já abordamos esse tema aqui no blog Na despensa. A chef Ana lista oito grupos de ingredientes que devem ter lugar cativo no seu armário:

  1. Vegetais: cebola, batata, tomate, alho, cenoura, abobrinha, beterraba, ervilha fresca, milho, vagem, mandioca, cogumelo, abóbora
  2. Grãos e cereais: arroz, fubá, farinha de trigo, feijão, lentilha, grão-de-bico
  3. Verduras e ervas: alface, brócolis, couve-flor, espinafre, alho-poró, manjericão
  4. Frutas: banana, maçã, manga, figo
  5. Gorduras: óleo vegetal, manteiga, azeite
  6. Temperos: sal, pimenta-do-reino, páprica, cominho, garam masala, vinagre
  7. Ovos e laticínios: ovos, creme de leite, queijo parmesão ou Gruyère
  8. Castanhas e sementes: linhaça, chia, castanha de caju

Planeje bem suas compras

Uma despensa bem organizada facilita outra etapa importante na manutenção de uma casa: as compras de supermercado, momento que requer planejamento, lembra a nutricionista Adriana Stavro.

Atencão 1: nunca vá ao supermercado com fome, isso pode ser um gatilho para compra por impulso e você corre o sério risco de lotar o carrinho com mais do que precisa. Atenção 2: sempre tenha em mãos uma listinha do que realmente precisa comprar e se atenha a ela!

Como montar essa lista? Adriana responde. O primeiro passo é fazer um plano das refeições, digamos, para uma semana. Aproveite as deliciosas sugestões da Mesa Casei, Mudei, e Agora?, como o Creme de mandioquinha, o Bife à Parmegiana  e o Flan de Chocolate. A partir desse cardápio, você define os ingredientes que serão necessários e em que quantidade (considerando o número de pessoas da casa). Além de comprar na medida certa, isso ajuda a evitar desperdícios.

 

Gostou?
Salve esta materia e compartilhe:

Você pode gostar também:

  • Cadastrar-se
Perdeu sua senha? Por favor, digite seu e-mail. Você receberá um link para criar uma nova senha via e-mail.