O que você procura?

Dicas para uma festa de Halloween arrepiante? Temos por aqui!

Criatividade é a palavra-chave para fazer aquela festa de Halloween arrepiante. Que o diga a designer Célia Augusta de Souza. Para ela, Dia das Bruxas e Natal são datas mais do que especiais e motivo para enfeitar a casa toda. “Penso em cada detalhe. Monto o cenário de Halloween no final de setembro e só desmonto tudo no começo de novembro”, diz ela. Uma rotina que Célia cultiva há dez anos!

Veja também:

– Assombre os convidados com brigadeiro de copinho com lápide de cemitério

Acontece o mesmo no condomínio onde mora a influenciadora digital Claudia Aloia, que está à frente do canal ABC das Mães, no YouTube. “Temos muitas crianças aqui no condomínio, e elas adoram o Halloween. Os moradores enfeitam as portas dos apartamentos e, no dia 31, a criançada sai pedindo doces”, conta Claudia, mãe de uma menina de 8 anos e um menino de 4, que adoram a brincadeira. Claudia é uma das mais empolgadas na preparação do cenário. “Cada ano escolho um tema diferente, que serve tanto para a decoração do apartamento como para minha fantasia”, conta.

Aproveitando a experiência das duas, pedimos algumas dicas para ajudar àqueles que não são íntimos desse evento, mas gostariam de aproveitar a ocasião para organizar uma boa farra com as crianças ou os amigos.

Uma árvore “bruxesca”
Na decoração de Célia, esse item não pode faltar. Ela escolhe um galho de árvore, de preferência um bem retorcido e sem folhas, e pinta de preto. “Depois recorto em cartolina de várias cores silhuetas de morcegos e bruxas (preta), abóboras (laranja) e fantasminhas (branca) e penduro nos galhos”, ensina ela.

Poções assustadoras
Célia também costuma pintar com spray preto garrafas de vidro de formatos diversos. “Então, crio rótulos de poções mágicas com nomes assustadores e agrupo essas garrafas em uma mesinha. Fica muito bacana”, conta.

Abóbora de pano e outros adereços
Para quem deseja incluir a tradicional abóbora no cenário e tem habilidades de corte e costura, Célia dá outras duas dicas bacanas. Uma é fazer uma abóbora usando a técnica do fuxico. Recorte um círculo bem grande de tecido, costure como se fosse fazer um fuxico e, em vez de achatá-lo, preencha-o com espuma. Finalize com um toco de madeira fazendo as vezes de caule e folhas de pano estilizadas. Outra coisa que faz muito sucesso em sua decoração: ela recorta tecidos no formato de abóbora (pode ser laranja liso ou com outra padronagem) e costura em almofadas, à maneira de apliques.

Nessa linha de adereços faça-você-mesmo, outra ideia bacana é pintar olhos em bolinhas de pingue-pongue, desenhando a córnea e os vasos sanguíneos do globo ocular. Ela também recorta grandes silhuetas de caras de bruxas em EVA preto para espalhar pela casa.

Garimpo nas lojas de enfeites
Se você não tem habilidades manuais, sem problemas! “Quando comecei a enfeitar minha casa, quase não encontrava nada para comprar, mas hoje temos uma grande oferta desses produtos no mercado”, diz Célia.

Para quem mora na capital paulista, a região da rua 25 de Março é excelente para garimpar esses artigos. Lá, uma das lojas preferidas de Célia é a Matsumoto (www.lojasmatsumoto.com.br). “Eles têm grande variedade de artigos e, uma semana antes do Dia das Bruxas, muitos deles entram em promoção”, conta.

Já Claudia, que mora em São Caetano do Sul (SP), costuma recorrer a lojas de artigos para festas infantis. “Na época do Halloween, elas sempre dispõem de diversos artigos relacionados ao tema”, conta. É onde ela vai atrás de teias de aranha, caveirinhas, morceguinhos, etc.

Iluminação especial e frases de efeito
Para criar um clima assustador, Claudia capricha na iluminação. “O apartamento não pode estar muito claro para receber as crianças. Tem de ficar à meia-luz, para estimular a imaginação”, explica. “Gosto de usar essas velas de led na cor laranja. Coloco-as dentro de abóboras e espalho pela casa”, explica.

A porta de entrada é outro ponto que merece sua atenção. Em geral, ela gosta de enfeitá-la com guirlandas e máscaras assustadoras. Também cola frases arrepiantes do tipo “Entre com cuidado, monstros famintos!” ou “Bruxa à solta, pronta para devorar criancinhas!”.

Depois dos sustos, as gostosuras!
Decoração pronta, vamos ao cardápio, que também merece atenção especial. É aí que entra a seleção de receitas feita pela chef Renata Biasin para nossa Mesa Halloween.

Para complementar, você pode preparar saquinhos de doces, como Claudia faz. “Antes, eu espalhava as guloseimas pela casa, e as crianças iam pegando. Mas as últimas a chegar acabavam ficando sem. Então passei a fazer saquinhos. Assim, consigo controlar a distribuição, levando em conta o número de crianças que vivem no condomínio e que sei que baterão à minha porta”, afirma.

Veja também:

– Comidinha fácil de fazer e boa para assustar: fantasminhas chips com guacamole

Deixe uma resposta

  • Cadastrar-se
Perdeu sua senha? Por favor, digite seu e-mail. Você receberá um link para criar uma nova senha via e-mail.