O que você procura?

MESA EM BREVE 28/08/2019 a 01/09/2019

use nas redes sociais

#docesbrasileirostanamesa

Tá na mesa

Doces Brasileiros

Bolo de rolo, paçoca, quindim… tentações açucaradas que são fáceis de fazer e contam muito sobre nossa cultura culinária. Puxe uma cadeira e delicie-se!

para abrir a mesa faltam para fechar a mesa faltam 6 dia(s), 20 horas, 42 minuto(s)

Líderes da mesa

Mariana Dias

Números da mesa

197
seguidores
0
interaçoes
0
conteúdos
enviados

Receitas

aguarde a abertura da mesa

Publicações

Deixe uma resposta

Doces Brasileiros

Em um delicioso capítulo do livro Magia da Cozinha Brasileira Para Deuses e Mortais (editora Primor), o crítico literário, diplomata e enciclopedista Antônio Houaiss passa em revista a tradição culinária do país nessa seara. “O traço histórico mais geral de nossa doçaria é o de que ela é, no fundamental, portuguesa, com fortes influências europeias outras”, escreve ele. Outra caraterística que Houaiss ressalta é o fato de que “a geografia doceira do Brasil” tem uma relação direta com a oferta local de frutas e outros ingredientes – o que permite um leque riquíssimo de sabores açucarados, com características próprias para cada uma das regiões do país.

Compotas, por exemplo, tem de manga, mangaba, figo, laranja, abóbora, caju, jaca mole ou jaca dura … e o que mais a imaginação e o mercado próximo a sua casa oferecer de ingrediente fresquinho. Para demonstrar toda essa variedade na seleção de receitas dessa Mesa de Doces Brasileiros, convocamos a chef Mariana Dias, uma pesquisadora apaixonada desse tema.

Mariana procurou reunir nesta mesa doces de todas as regiões brasileiras. Do Norte tem geleias cheias de personalidade como a de cupuaçu e a de bacuri. Do Nordeste, o bolo de rolo e o pudim de tapioca dizem presente. O Sudeste comparece com a paçoca e o pé de moleque… E assim por diante. Além dessas e de outras receitas, na semana de 28 de agosto a 1 de setembro, a mesa de Doces Brasileiros traz muitas dicas e curiosidades. Puxe uma cadeira!